quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

FILME SOBRE LIXO NO BRASIL CONCORRE AOS OSCAR

Documentário brasileiro "Lixo Extraordinário" concorre ao Oscar

  • Cena do documentário Lixo Extraordinário

    Cena do documentário "Lixo Extraordinário"

Los Angeles (EUA) - A coprodução brasileiro-britânica "Lixo Extraordinário" foi indicada nesta terça-feira ao Oscar de Melhor Documentário, segundo o anúncio feito pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood.

O filme aborda a relação do artista plástico Vik Muniz com os catadores do lixão de Jardim Gramacho, em Duque de Caxias (RJ). O documentário, de 99 minutos, foi codirigido por João Jardim, Lucy Walker, Angus Aynsley e Karen Harley.

TRAILER DO FILME ''LIXO EXTRAORDINÁRIO''


Após saber da notícia, João Jardim declarou à edição online do jornal "Folha de S.Paulo" que ficou muito feliz de fazer parte do projeto. "Seria uma grande vitória para o Brasil, já que a equipe é praticamente toda brasileira", afirma o cineasta.

Já o artista Muniz destaca as boas chances do documentário para o Oscar. "Entre os filmes indicados, é o mais forte, o mais premiado, nossas chances são muito grandes", declarou por telefone ao portal "G1".

"Lixo Extraordinário" disputará a estatueta com os filmes "Exit through the Gift Shop", "Gasland", "Trabalho Interno" e "Restrepo", na cerimônia que será realizada no dia 27 de fevereiro, em Los Angeles.

A fita ganhou o prêmio Anistia Internacional e também o correspondente à votação do público na seção Panorama da última edição do Festival de Cinema de Berlim.

Um comentário:

Cacá disse...

Este blo do Turiba é uma vertente de forças poderosas, brilhantes, onde se lê "há vida inteligente na Internet". Aqui se vê um Gilberto Gil de cinema, uma poesia de prosa internacional, um samba tão de mundo quanto de Brasil. Luis Turiba, anjo avisador das boas, das melhores notícias!

Cacá Pereira
cantor, compositor